Tributo ao Comandante França de Sousa (1935-2017)

Foto: José Manuel G. Neto

Dizia, com frequência e indisfarçável orgulho, que tinha mais anos de bombeiro do que de militar.

Na verdade, ingressou muito jovem nos Bombeiros Voluntários Lisbonenses (BVL).

José Francisco do Rio França de Sousa foi, seguramente, até hoje, um dos militares mais bem-sucedidos ao serviço dos bombeiros portugueses.

No limiar dos anos 60 tornou-se Comandante dos BVL. Era, então, Tenente da Guarda Nacional Republicana, iniciando uma longa e prestigiante trajectória.

Muito cedo granjeou fama junto dos seus pares, sobressaindo-se pela sua dedicação e competência, na organização e no comandamento operacionais.

Empreendedor, procurou sempre atingir a melhoria e o progresso dos meios destinados ao socorro.

Referência incontornável dos Bombeiros Voluntários da cidade de Lisboa, pertenceu à Federação de Bombeiros do Distrito de Lisboa e à Liga dos Bombeiros Portugueses, tendo ainda colaborado, entre outras entidades, com o Serviço Nacional de Bombeiros e a Escola Nacional de Bombeiros, onde foi formador. Exerceu as funções de Assessor do Presidente do Serviço Nacional de Bombeiros e Protecção Civil, General Paiva Monteiro.

Possuidor de importantes condecorações e louvores, quer como militar quer como bombeiro, sentia e vivia os bombeiros com uma desusada intensidade.

Igualmente conhecido pela sua postura disciplinada e disciplinadora, teve acção de mérito na reestruturação interna dos Corpos de Bombeiros que comandou, em períodos distintos: Lisbonenses e Algés.

No plano da REVIVER MAIS foi seu co-Fundador e destacado Dirigente. A ela se dedicou com desvelado cuidado e atenção.

Perseguia incessantemente o sonho da construção da Casa do Bombeiro, acalentando oportunidades com contagiante optimismo.

No contexto actual da Associação, na relação entre Presidente e Vice-Presidente, nem sempre partilhámos dos mesmos pontos de vista. Porém, em todos os momentos, a amizade de muitos anos falou mais alto.

"Obrigado pelas tuas sempre tão amigas palavras", escreveu poucos dias antes do seu falecimento, via sms, em resposta ao meu apelo e incentivo à vida, referindo, naquele que veio a ser o nosso último contacto: "Conto contigo."

Porque hoje já não podemos trocar mensagens, resta-me garantir-lhe, onde quer que se encontre, em meu nome e de todos os colegas do Conselho de Administração Executivo, que zelaremos pelo seu legado moral e cívico.

O Comandante França de Sousa permanecerá vivo - bem vivo - entre nós, numa clara e inequívoca afirmação colectiva da nossa vocação enquanto, também, ideólogos da memória.

Lisboa, 13 de Setembro de 2017


O Presidente do Conselho de Administração Executivo
Luís Miguel Baptista

Faleceu o Comandante França de Sousa (Sócio Fundador, n.º 2)



É com profundo pesar e consternação que os Órgãos Sociais da REVIVER MAIS comunicam o falecimento do Vice-Presidente do Conselho de Administração Executivo, Tenente-Coronel José Francisco do Rio França de Sousa (07.09.1935-11.09.2017), Sócio Fundador, n.º 2, Comandante do Quadro de Honra dos Bombeiros Voluntários Lisbonenses (BVL).

O corpo do malogrado Comandante e destacado Dirigente da nossa Associação estará em câmara ardente no Salão Nobre dos BVL, amanhã, 12 de Setembro, a partir das 18:00 horas.

O funeral realiza-se na quarta-feira, dia 13, para jazigo de família, no Cemitério dos Prazeres, precedido de missa, pelas 14:30 horas.

À Associação/Corpo de Bombeiros e Família enlutadas, os Órgãos Sociais da REVIVER MAIS apresentam sentidas condolências.

Presidente do CAE disponível para novo mandato

O Presidente do Conselho de Administração Executivo (CAE) da REVIVER MAIS, Luís Miguel Baptista, vai candidatar-se a um novo mandato.

Foto: José Manuel G. Neto

15 Anos: Comemorações arrancaram em Porto de Mós

Tiveram início, no passado dia 4 de Junho, em Porto de Mós, as comemorações dos 15 anos da fundação da REVIVER MAIS.

Fotos: José Manuel G. Neto





120.º aniversário dos Bombeiros de Odivelas

Decorreram no passado dia 1 de Julho, em ambiente de grande elevação e dignidade, as comemorações do 120.º aniversário da Associação Humanitária de Bombeiros Voluntários de Odivelas (AHBVO).

Fotos: CMO





Faleceu o Chefe Arnaldo Pinheiro (Sócio Fundador, n.º 38)

É com profundo pesar e consternação que os Órgãos Sociais da REVIVER MAIS comunicam o falecimento do Sócio Fundador, n.º 38, Chefe Arnaldo C. Martins Pinheiro (1936-2017), do Batalhão de Sapadores Bombeiros do Porto (BSB). 

Foto. Arquivo RM





National Association of Retired Firefighters escreve à RM

No seguimento da mensagem de solidariedade endereçada à National Association of Retired Firefighters acerca do incêndio na Torre Grenfell, transcrevemos o teor do mail entretanto recebido, subscrito por Graham Holden, Presidente da nossa congénere inglesa:


Comunicado: Incêndio de Pedrógão Grande



A REVIVER MAIS solidariza-se com os familiares das vítimas mortais do trágico incêndio que lavra em Pedrógão Grande, manifestando o seu profundo pesar.

De modo igualmente sentido, dirige a todos os Bombeiros e demais agentes de Protecção Civil uma palavra de conforto e confiança, para além de incondicional admiração e apoio, formulando os votos de que as condições sejam propícias, no mais curto espaço de tempo, à debelação do incêndio.

São ainda merecedores de toda a atenção os Bombeiros que contraíram ferimentos, neste e noutros teatros de operações, a quem se deseja rápido restabelecimento.

Apela-se ao cumprimento rigoroso das regras de segurança, para que sejam evitados maiores danos.


Lisboa, 18 de Junho de 2017


O Conselho de Administração Executivo
da REVIVER MAIS - Associação dos Operacionais e Dirigentes dos Bombeiros Portugueses, IPSS

Mensagem à National Association of Retired Firefighters

A REVIVER MAIS endereçou, ontem, dia 15 de Junho, ao Presidente da National Association of Retired Firefighters, a seguinte mensagem de solidariedade e também de cooperação institucional, a propósito do incêndio na Torre Grenfell e da consequente acção dos bombeiros londrinos:

Foto: Leon Neal

> OUTRAS NOTÍCIAS